Como Limpar seus Móveis

Como Limpar seus Móveis
Ambientes decorados com móveis de madeira sejam eles mesas, cadeiras, camas, ou mesmo janelas, portas e outros além de trazer conforto e comodidade, também dão ao ambiente um caráter clássico. A madeira é uma matéria prima durável, no entanto, alguns cuidados são necessários para garantir que os móveis mantenham-se com aparência de novos e durem ainda mais tempo. Confira algumas dicas de limpeza e conservação para móveis de madeira: - Utilize sempre pano seco e limpo para limpeza. Se for um móvel de madeira com brilho, passe um pano úmido e lustra móvel. Essa aplicação não deve ser feita todos os dias. - Nos móveis de madeira com verniz não se deve aplicar produtos químicos, tais como sabão, álcool, lustra móvel e outros. - Nos móveis de madeira escura usa-se óleo de peroba, que ajudará a hidratar a madeira, proporcionando brilho e proteção. - Em móveis de madeira clara pode-se passar cera incolor pastosa com silicone, com a realização de um teste antes de aplicar definitivamente em todo o móvel. - Não encoste o móvel na parede, nem arraste de um lado para o outro. O ideal é esvaziar o conteúdo do móvel e transportá-lo pela base; - É aconselhável evitar que o móvel fique exposto ao sol ou que seja molhado. O sol pode deixar a madeira manchada e as lâminas podem descolar; - É recomendável polir o móvel com lustra-móveis duas ou três vezes por ano. - Para a remoção de gordura em peças que não são pintadas, deve-se umedecer levemente uma flanela com álcool, friccionar sobre o local e, em seguida, passar uma flanela seca para remover os resíduos do álcool. A evaporação rápida do álcool diminui a possibilidade de provocar corrosão das ferragens dos móveis, como ocorre com a água. - Produtos como escovas, esponjas de aço e outros abrasivos, não podem ser utilizados, pois eles podem arranhar a pintura ou deixar fosca uma parte brilhante. - Deve-se evitar a exposição direta aos raios solares, tanto UV (ultravioleta) e IV (infravermelho). - As ceras, como a carnaúba, que são utilizadas tradicionalmente para a conservação e o embelezamento de madeiras, não tem efeito nos móveis pintados ou revestidos, pois essa camada evita a penetração de qualquer produto. Em alguns casos, elas podem danificar o produto. - Evite colocar panelas, formas, assadeiras e demais utensílios quentes ou aquecidos diretamente sobre os tampos. Isso pode causar danos aos mesmos como bolhas, queimaduras ou descolamento do revestimento, ou quebra do vidro em caso de tampos de mesa. - Evite o excesso de vapor das panelas bem como o excesso de gordura. Ambos causam, respectivamente, o descolamento e o engorduramento dos módulos, principalmente os localizados próximo ao fogão. - Se houverem respingos ou cair água sobre o módulo durante o uso ou limpeza, enxugue imediatamente, prevenindo sua degradação. - Não aconselhamos a aplicação de produtos de limpeza diretamente no vidro, pois se trata de um produto químico que pode vir a danificar o revestimento ou até mesmo a descolar o vidro. - Lubrificar dobradiças e corrediças com uma pequena camada de óleo, sempre tendo cuidado para não respingar no móvel. Em regiões que possuem maresia, isso deve ser feito mensalmente. - Após a instalação deixe os móveis sem qualquer tipo de peso por aproximadamente 24 horas. Esse é o tempo necessário para que os móveis montados fiquem bem colados. - Devido ao processo natural de envelhecimento, as portas pintadas tendem a amarelar com o passar do tempo, o que não corresponde a vício de fabricação.
 Blog do Baianão 1 ano atrás
0 Comentário(s)
Adicionar comentário
Usuário
Comentário*
Endereço de e-mail: